domingo, 21 de agosto de 2011

Por que mexer na linfa é tão importante?


>




http://2.bp.blogspot.com/_JEE5TOJKkWg/RgB1XLj_wEI/AAAAAAAAAD0/3nrbSpo0zZs/s400/mso4436B.jpg

É o líquido que está contido nos vasos que compõem o sistema linfático. Semelhante ao plasma sanguíneo, ela é incolor e viscosa, composta por água, substâncias orgânicas e inorgânicas, resíduos e toxinas resultantes do trabalho do metabolismo.

A linfa conduz o líquido excedente e as toxinas aos órgãos excretores, provocando uma limpeza interna. Ela também é responsável por levar oxigênio, substâncias nutritivas e hormônios para os tecidos, o que é fundamental para o funcionamento do nosso organismo. Como a linfa se desloca sempre numa mesma direção, ela depende de forças externas, tais como a gravidade, as manobras de massagem, além das forças internas (como a contração muscular, a pulsação das artérias próximas aos vasos, o movimento das vísceras e os movimentos respiratórios) para funcionar como um relógio.

Com a massagem favorecemos o seu funcionamento. Imagine um quintal (o corpo), onde são jogados vários baldes de água (a linfa). Então, você pega o rodo (manobras de drenagem linfática) e puxa toda a água para o ralo (gânglios linfáticos) até secar o quintal, ou seja, desobstruir o local.

Receba informações sobre Sua Saúde no Email

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente com educação que o seu comentário será aprovado. Participe sempre!

Comment

facebook

Outros Posts Sobre Saúde


Receba no seu Email:

Dúvidas? Entre em contato!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Todos os posts deste blog